Mandalas e seus significados

Mandala quer dizer círculo na linguagem do sânscrito. Em outras línguas é conhecida também como círculo mágico, ou concentração de energia. Elas são universalmente conhecida como objetos símbolos de integração e de harmonia. 

Mandalas

Elas são parte de rituais de magia de diferentes culturas: Os hindus, os budistas, cristãos, índigenas, as diversas culturas ancestrais, os islâmicos, etc. 

São imagens dinâmicas com o poder de organizar as energias astrais naturalmente. São utilizadas para meditação e para a harmonização de ambientes confusos. Também cura as energias. Inspirando serenidade e ordem. 

Ou seja, uma mandala é um campo de força, onde sua estrutura e seus desenhos possui poderes vibracionais atuantes. Todas elas possuem elementos básicos: a forma circular, um ponto central e a repetição das linhas simétricas e das formas que compõe o desenho. 

Cada parte de uma mandala possui um simbolismo. O que está dentro do espaço onde as formas são desenvolvidas é o sagrado. O que fica fora desse espaço é o profano. O ponto central da mandala é a representação do superior, da fonte da criação. As formas geométricas da mandala representam a sua vibração. E as cores são o seu poder vibratório. 

As cores influenciam muito na vibração da mandala, pois tem simbologias muito particulares. As cores mais utilizadas são o vermelho, o amarelo, o azul, o laranja, o verde e o lilás. Cada uma delas emite uma energia diferente e especial. 

A confecção de mandalas também é conhecida como uma atividade de terapia. Exercitando a concentração. 

0 comentários:

Postar um comentário

 

Copyright © Interpretacao de Sonhos