Significado de amor platônico

amor platônico

O amor platônico pode ser considerado em qualquer relação de afeto onde abstrai-se o elemento sexual, por diferentes tipos e gêneros. A amizade entre duas pessoas pode ser considerado como um amor platônico. 

Mas, o mesmo também poder ser um amor visto como impossível e que não é correspondido. 

O termo foi utilizado pela primeira vez por Marsilo Ficino, filósofo neoplatônico florentino do século XV, sendo um sinônimo de amor socrático. Os dois termos estão relacionados ao amor focado na inteligência e na beleza do caráter de uma pessoa, dispensando características do seu aspecto físico. Para Platão, filósofo grego, o amor era visto como algo puro e desprovido de paixões, visto que estas são agregadas de sentimentos efêmeros, materialismo e falsidade. O amor quando é platônico se fundamenta na virtude e não no interesse. Platão criou ainda, a teoria dos mundo das ideias, onde todas as coisas eram perfeitas e servia de base para que o mundo real o copiasse. 

Por isso, um sentimento platônico passou a ser visto como algo perfeito, mas que existe apenas no mundo das ideias, e não no mundo real. Como uma espécie de criação da mente humana. 

Este tipo de amor é conhecido por muitas pessoas como um amor a distância, onde não é possível se aproximar, não há toque, hão se envolve, é regido pela fantasia e pela idealização, onde vê-se o outro como um ser perfeito, que possui todas as qualidades e não possui nenhum tipo de defeito.

0 comentários:

Postar um comentário

 

Copyright © Interpretacao de Sonhos