4 Grandes Lições Que o Filme Extraordinário Ensina – A #2 é a Minha Favorita

4 Grandes Lições Que o Filme Extraordinário Ensina – A #2 é a Minha Favorita

Este filme traz a história de uma criança que já nasceu com um desafio: lutar para continuar vivo. O protagonista se chama Auggie, um menino de apenas 10 anos que passou por nada mais nada menos que 27 cirurgias.

Ele nasceu com uma séria deformidade facial que podia o impedir de ver e até respirar direito. Este garoto, como era de se esperar, passou a maior parte de sua infância estudando em sua casa.

Mas aos 10 anos, os pais resolveram o tirar do seu casulo de proteção para viver as aventuras, alegrias e tristezas do mundo lá fora. E neste artigo, vamos te mostrar as lições que aprendemos com a jornada de conhecimento de Auggie:

1ª Lição – Temas delicados na visão de uma criança

Sabemos que as crianças tem um jeito simples e leve de ver os relacionamentos em sua volta e no filme Extraordinário, temas complicados como bullying, problemas familiares e preconceitos são mostrados com a visão de como Auggie vê certas situações.

Os atores conseguem trazer alegria, diversão e emoção a cenas com peso tão carregado de certos assuntos.

2ª Lição – A família é mais importante

Os pais de Auggie são simplesmente fantásticos com a maneira de conduzir as novas descobertas e situações que o filho enfrenta com muito otimismo.

O sofrimento que os pais passaram vendo o filho sofrer tanto, não os impediram de mostrar a ele o lado bom da vida.

Também na trama é mostrada a história da adolescente Via, irmã de Auggie. Ela tem uma porcentagem de carência por parte dos pais que dedicavam quase 100% de seu amor e tempo à Auggie.

Mas, nem por isso ela é amargurada. Entende e ama muito seu irmão.

3º Lição – Esclarecendo o bullying

O primeiro e sério desafio que Auggie tem que enfrentar é o preconceito das crianças na escola onde ele frequenta.

Mas, neste filme, a situação é mostrada com suavidade e até traz reflexão por parte dos que cometem o bullying.

4º Lição – A amizade e o amor estão acima das aparências

A cada luta vencida por Auggie mediante tanto preconceito, o menino mostra a todos que a aparência é apenas um mero detalhe diante do bem mais precioso: o caráter das pessoas, seu amor e bondade com o próximo.

Auggie, interpretado lindamente por Jacob Tremblay, seus pais que são interpretados pela atriz Júlia Roberts e Owen Wilson e Isabela Vidovic que interpreta sua irmã, deixam bem claro que o menino é uma pessoa normal, como qualquer outro ser humano.

Eles dão uma bela e preciosa lição de vida mostrando que não é a aparência física importante e sim as qualidades interiores que Auggie tem de sobra. Tanto que ele conseguiu um grande amigo, Jack, fiel escudeiro pronto a protegê-lo e dar sua verdadeira amizade.

Deixe uma resposta