O Perdão De Buda: Uma Fábula Que Vai Te Deixar Um Grande Ensinamento

O Perdão De Buda: Uma Fábula Que Vai Te Deixar Um Grande Ensinamento

Os grandes mestres do budismo sempre recorreram a fábulas para ensinar seus discípulos a enfrentar a vida!

Os grandes mestres da história sempre recorreram a fábulas, lendas e histórias para levar seus ensinamentos aos discípulos. Professores budistas não têm sido a exceção: eles usaram esses recursos para fazer com que sua filosofia de vida alcance qualquer um que queira ouvir.

A história intitulada “O perdão de Buda” é muito breve, e mesmo assim ele consegue falar sobre as questões mais importantes do homem.

A leitura demorará 5 minutos, mas seu ensinamento permanecerá para sempre.

Buda tinha um primo malvado, seu nome era Devadatta, ele estava sempre com ciúmes e insistia em desanimá-lo.

Um dia, enquanto Buda andava em silêncio, Devadatta jogou uma pedra pesada em seu caminho com a intenção de acabar com sua vida. No entanto, a rocha caiu ao lado de Buda e não o feriu.

Buda percebeu o que havia acontecido, mas permaneceu em silencio, sem perder o sorriso. Dias depois, ele encontrou Devadatta novamente e o cumprimentou carinhosamente. Muito surpreso, ele perguntou:

– Você não está com raiva?

– Não! Claro que não.

Sem deixar seu espanto, Devadatta perguntou por que.

Buda respondeu:

– Porque você não é o mesmo que jogou a pedra, nem eu sou o que estava lá quando foi jogado.

Buda, em sua sabedoria eterna, nos ensina que não há sentido em guardar ressentimentos. Porque a vida está mudando constantemente, e nós também.

Hoje você não é a mesma pessoa que foi ontem. Nem são aqueles que te machucaram. Saber perdoar é mais do que ter misericórdia. É entender que nada nos pertence, exceto o momento presente.

E aqui e agora, você merece luz, calma e em paz consigo mesmo e com os outros.

O que você acha da fábula do perdão de buda? Conte nos comentários!

Deixe uma resposta