6 Erros De Linguagem Corporal Que Você Deve Excluir Da Sua Vida Para Se Tornar Alguém Mais Seguro

6 Erros De Linguagem Corporal Que Você Deve Excluir Da Sua Vida Para Se Tornar Alguém Mais Seguro

Sabemos o quanto é difícil vencer a timidez e se sentir seguro, principalmente em situações que demandam uma melhor postura de nós. Contudo, muito do que nossa linguagem corporal diz sobre nós, é o que fica gravado como uma primeira impressão na memória daqueles que queremos impressionar.

Porém, para que você não se sinta perdido, ou até mesmo não saiba como se portar, separamos algumas dicas do que não fazer, para que você possa arrasar naquela entrevista de emprego, apresentação na faculdade, ou até mesmo naquela reunião importante que pode te garantir uma promoção na empresa que trabalha. Confira a seguir:

1. Não se descuide com suas expressões faciais:

Muitas vezes acabamos por nos importar muito mais com como braços vão se comportar, do que como nosso rosto pode estar se expressando. Esse erro pode acabar fechando a porta que pode ter sido aberta para você.

Seja sempre atento ao que quer transmitir, não demonstre frustrações, tristezas ou raiva. Procure manter um sorriso e uma expressão vitoriosa, e na pior das hipóteses, mantenha uma expressão mais relaxada, isso dá impressão de que você está no comando e pode passar segurança aos que estão te assistindo.

2. Não evite o contato visual:

Uma das atitudes que pode demonstrar mais controle sobre a situação, é deixar que o seu olhar encontre os daqueles que estão à sua frente.

Se você não consegue manter um contato visual, pode parecer que você está muito inseguro e até mesmo que não esteja dominando o assunto. Comece praticando no espelho, e vá levando esse comportamento para sua vida.

3. Não seja demorado nos apertos de mão:

Um aperto de mão é para ser um cumprimento breve. Se você começa a demorar muito ou hesitar em um aperto de mão, pode além de parecer inseguro, ser taxado de desconexo ou até mesmo rude. Seja breve no aperto e evite ficar chacoalhando as mãos sem parar.

4. Não gesticule demais ou de formas incorretas:

Você não precisa se tornar uma pedra e não fazer nenhum gesto, mas, é necessário saber os momentos corretos em que se deve fazer algum gesto.

Evite se movimentar com os braços e pernas muito juntos ao corpo, isso passa a impressão de estar nervoso e inseguro. Aproveite os momentos certos e faça movimentos com mais ênfase e bastante segurança.

5. Não mexa muito com seus pés:

Você pode até pensar que ninguém olhará para os seus pés, mas, lembre-se que em uma apresentação para qualquer tipo de situação, tudo em você será avaliado. Portanto, para uma boa impressão, mantenha seus pés retos, alinhados com seus ombros, assim, parecerá mais seguro e de boa postura.

6. Não tenha uma má postura:

Além de prejudicar sua saúde, uma má postura não passara seus fiéis sentimentos quando você precisar. Uma postura reprimida, só passara o sentimento de que você é fechado e não possui confiança e si mesmo.

Em geral, é interessante que mantenha uma postura que passe segurança, confiança e autoestima, assim, tente manter seus ombros para trás, coluna reta, peito para frente e cabeça erguida, essa postura pode te ajudar muito.

Com essas dicas, já dá para ir naquela entrevista sem medo, ou até mesmo arriscar naquele palpite na reunião, sem demonstrar tanto nervosismo. Aposte em si mesmo, e sempre mantenha em mente que você é capaz, a impressão primordial é formada na sua mente, e se você acredita que é uma pessoal poderosa, assim você irá parecer para si e para as pessoas ao seu redor.

Aposte em si mesmo, e sempre mantenha em mente que você é capaz, a impressão primordial é formada na sua mente, e se você acredita que é uma pessoal poderosa, assim você irá parecer para si e para as pessoas ao seu redor.

Acredite sempre no potencial que você tem.

GOSTOU? SALVE NO PINTEREST

Deixe uma resposta