Você Sabia Que As Pessoas Que Você Amava Visitam Você Depois Que Morreram? Está comprovado…

Você Sabia Que As Pessoas Que Você Amava Visitam Você Depois Que Morreram? Está comprovado…

Perder um ente querido é uma das experiências mais dolorosas e deprimentes do mundo, para qualquer um.

A dor que você sente é enorme, o vazio deixado por essa pessoa não pode se regenerar e você sente falta dela de tal maneira que você quer tê-la novamente. No entanto, isso não acontece, pelo menos como esperamos.

Há um fenômeno chamado “Sonho de Visitas” e, certamente, quando você descobre o que é, pode te assustar um pouco, ou talvez muito.

Acontece que esse fenômeno acontece quando uma pessoa está dormindo e sente uma visita durante o sono, o que significa que um ente querido que já está morto está visitando você.

Não há necessidade de temer, já que é uma visita de estranheza não vai te machucar, de fato, muitas pessoas já confirmaram que é uma benção sentir essa visita.

Isto tem um significado e muitos especialistas quiseram investigar mais sobre o que realmente acontece, também para saber em que condições aquele amado aparece nos sonhos de uma pessoa viva.

Características comuns de pessoas que tem “sonho de visitas”

Agora, então, falaremos sobre essas características comuns das pessoas que experimentaram essa sensação.

As características comuns compartilhadas por pessoas que sentiram este fenômeno são divididas em duas, a primeira são as características físicas e acontecem quando a pessoa que morreu foi por causa da doença.

Enquanto nos traços emocionais é quando a pessoa que acontece com o fenômeno, ou seja, aquele que está vivo e dormindo, se sente deprimido e apenas pela perda.

Algumas confissões de pessoas que experimentaram isso, dizem que o ente querido que retorna parece muito mais saudável e mais jovem do que quando morreu.

De fato, alguns disseram que eles dizem uma mensagem telepaticamente, isso poderia ser “Eu estou bem e ainda com você”. Se você já experimentou esse sentimento, deixe um comentário e compartilhe.

Deixe uma resposta