10 Maneiras De Combater a Depressão Sem Medicação – Você Vai Se Surpreender!

10 Maneiras De Combater a Depressão Sem Medicação – Você Vai Se Surpreender!

Milhões de pessoas, independentemente da sua origem, sofrem de depressão e distúrbios de ansiedade.

Apesar deste problema generalizado, uma pesquisa revelou que pelo menos 23% de cada 1.000 adultos não querem combater a depressão com medicamentos antidepressivos.

Se você ou alguém que você conhece está lutando contra a depressão, tenha certeza de que existem maneiras comprovadas de aliviar este transtorno debilitante sem tomar qualquer medicação.

Transforme sua vida AGORA com este MÉTODO que já salvou dezenas de pessoas da DEPRESSÃO! CLIQUE AQUI!

10 maneiras de combater a depressão sem medicamentos

1. Durma o suficiente

Os cientistas tentam investigar a terapia do sono como uma forma de combater a depressão em pessoas com insônia.

Como o sono pode melhorar a estrutura e a função do cérebro, também pode facilitar uma melhor regulação do humor.

Se a terapia do sono for suplementada pela terapia convencional, como conversar com um psicólogo, a cura da depressão pode ser bem-sucedida em uma taxa maior que 40%.

2. Como alimentos que melhoram a serotonina

A serotonina, também chamada de hormônio feliz, serve como estabilizador do humor.

Quando seu corpo tem quantidades elevadas de serotonina, você tende a ser mais calmo, emocionalmente estável e mais focado.

Alimentos ricos em serotonina incluem espinafre, ovos, salmão, frango ou carne de peru, leite, banana, abacaxi, melão e nozes.

3. NÃO pule as refeições, mas não coma em excesso

Seus hábitos alimentares mudam quando você está deprimido. Você perde o apetite ou se volta para a comida para melhorar temporariamente seu humor.

Mas se você usa a comida como um mecanismo de enfrentamento ou evita completamente, você corre o risco de piorar sua depressão porque a maneira como você come afeta o equilíbrio químico em seu corpo.

É importante que você faça suas refeições regularmente. Se você não sente vontade de comer, por que não pedir a um amigo ou parente para comer com você?

Além disso, evite alimentos ricos em açúcar porque podem causar alterações de humor.

4. Tome um pouco de sol

A estação fria do inverno pode desencadear sentimentos de depressão e tristeza em algumas pessoas.

A falta de vitamina D tem sido associada a vários transtornos mentais em vários estudos.

A falha em receber a luz solar também pode afetar os ciclos normais de luz e escuridão que o cérebro espera todos os dias.

Como resultado, a produção química do cérebro é interrompida e desequilibrada, o que afeta o humor da pessoa.

CONFIRA: 8 Sinais de que você está com depressão e ainda não sabe

5. Meditação

Praticar meditação – ou aprender e fazer técnicas de atenção – pode ajudar o corpo a lidar com o estresse.

Isto foi evidenciado em um pequeno estudo que consistiu em 70 adultos diagnosticados com transtornos de ansiedade.

A pesquisa mostrou que, ao longo do tempo, uma pessoa que domina a meditação também pode controlar suas emoções no nível celular.

Com a prática constante, uma pessoa que medita cresce na capacidade de prestar melhor atenção às suas sensações corporais.

Como tal, você pode aprender a se distanciar dos pensamentos negativos para criar uma energia mais positiva.

6. Escreva seus sentimentos

Você precisa de uma saída quando está sobrecarregado de emoções. Para algumas pessoas, manter um diário permite processar seus pensamentos e sentimentos.

A escrita pode ser terapêutica, pois ajuda a colocar as coisas em perspectiva.

Também o torna ciente dos padrões e gatilhos que você encontra todos os dias, se você acompanhar o que está acontecendo com você.

7. Busque apoio social

Dizem que uma em cada dez pessoas se sente mais deprimida quando não tem ninguém com quem conversar sobre o que está acontecendo.

Se você acha que não tem amigos suficientes, faça novos. Procure companhia juntando clubes que atraiam seus interesses e hobbies.

Você também pode se juntar a um grupo de apoio à depressão para se conectar com aqueles que realmente entendem suas lutas.

8. Faça algo que nunca foi feito

Tentar algo novo e diferente aumenta os níveis de dopamina no cérebro.

Este hormônio cria prazer, entusiasmo e motivação, que muitas vezes faltam quando se sente deprimido.

As novas atividades abrem as portas para desafios emocionantes que podem tirar você da rotina.

Então, por que não se inscrever para uma aula de culinária ou de línguas, ser voluntário em um abrigo de animais ou viajar?

9. Fique sempre envolvido com algo

Depois de se juntar a grupos de fãs ou ser voluntário em um abrigo, fique envolvido nas atividades.

Ter novas responsabilidades e manter sua programação completa pode lhe dar uma sensação de realização.

Sua visão da vida também muda quando você experimenta servir aos outros, pois isso o manterá em contato com a realidade.

10. Reduza o uso de redes sociais

Embora seja verdade que a mídia social ajuda você a ficar em contato com a família e amigos em qualquer lugar do mundo ou seu grupo de apoio, ela também pode ter efeitos negativos sobre a sua imagem e autoestima, que por sua vez pode desencadear sintomas depressivos.

As pessoas tendem a se comparar com outras pessoas no Facebook, Instagram ou Twitter e concluem que seus contatos têm uma vida melhor do que eles.

Não é necessário remover completamente os aplicativos de mídia social do telefone, mas você pode minimizar o uso da tecnologia para permanecer conectado.

Mesmo assim, é melhor fazer amizades pessoalmente do que através de uma tela.

O que tem me ajudado muito a superar a depressão é o Método ”Vencendo a Depressão em 21 Dias”, isso está me libertando de tudo aquilo que me paralisa!

Se você quiser conhecer esse método também, clique aqui!

Deixe uma resposta