▷ 2 Contos De Fadas Clássicos Que Todas As Crianças Deveriam Conhecer

▷ 2 Contos De Fadas Clássicos Que Todas As Crianças Deveriam Conhecer

Os contos de fadas são histórias clássicas que não encantam apenas as crianças, mas levam muitos adultos a também viajar pelo mundo da imaginação.

Se você é fã de histórias ou tem criança em casa, então alguns contos de fadas são simplesmente indispensáveis.

Hoje, nós trouxemos dois contos de fadas que todos deveriam ler para compartilhar especialmente com você. Confira.

Contos de fada – A Bela e a Fera

bela e fez dançando - cena do filme

Era uma vez um príncipe que vivia em seu imenso castelo. Apesar de ser muito rico, ele era um rapaz muito egoísta e por conta disso, não tinha amigos.

Numa noite chuvosa, ele recebeu uma velhinha que estava pedindo abrigo. Ele então, se recusou a recebê-la sem saber que na verdade, ela era uma bruxa disfarçada. Conhecendo as históricas sobre o egoísmo do príncipe e revoltada por não ter sido atendida, ela lançou sobre ele um feitiço que o transformou em uma fera horrível. Seus criados foram transformados em objetos. O encanto só poderia ser quebrado por um beijo de amor.

Enquanto isso, numa vila bem próxima, vivia um comerciante e sua filha, seu nome era Bela. Apesar de pobres, os dois eram muito felizes. Bela amava ler e viva contando histórias para as crianças de sua vila. Seu pai que era comerciante estava sempre viajando para comprar e vender produtos.

Um dia, quando voltava de uma longa viagem, ele foi pego por uma tempestade e resolveu pedir acolhida no castelo. Ele bateu, mas ninguém o atendia. Ao ver que a porta estava aberta, ele resolveu entrar, acendeu a lareira e sobre ela viu que se encontrava uma garrafa de vinho. O comerciante bebeu o vinho e acabou adormecendo.

No dia seguinte, uma fera muito furiosa apareceu diante do homem, e o fez prisioneiro ao perceber que ele havia invadido o castelo. A Fera decidiu que ia deixá-lo na prisão até morrer. Foi quando ele fez um pedido. Ele gostaria de se despedir da sua filha. E a Fera concedeu-lhe esse último desejo.

O comerciante foi até sua casa, mas ao contar a história para a Bela, ela ficou revoltada e foi com ele novamente ao castelo. Chegando lá, pediu que a fera a prendesse no lugar do pai, e foi isso o que aconteceu.

Bela ficou presa no castelo, mas podia usar um quarto ou a biblioteca. Apesar de sentir medo de morrer, ela via que a Fera a tratava muito bem a cada dia que passava.

Com o tempo, os dois foram se tornando amigos. A fera ficava encantado com a forma da moça ver o mundo, a natureza e as pessoas. Sentia que ela também podia enxergá-lo de forma diferente, muito além da sua terrível aparência.

A Fera estava apaixonada por Bela, mas quando decidiu pedir ela em casamento, a moça negou e disse que os dois poderiam ser amigos.

Apesar de estar feliz no castelo, Bela pediu a Fera para visitar seu pai e ele permitiu. Ela encontrou seu pai velho e doente e passou muitos dias a cuidar dele. Quando retornou ao castelo, Bela encontrou a Fera doente, quase morta, estava assim porque sentia a sua falta.

Nesse momento, ela se sentiu tão amada que resolveu aceitar o pedido de casamento da Fera. E vendo-o naquela situação, beijou-o. Nesse momento, a fera se transformou em um belo príncipe. Finalmente ela havia encontrado alguém que o amava de verdade.

Contos de fada – A Bela Adormecida

bela adormecida conversando com os animais

Era uma vez um Rei e uma Rainha que tinham o desejo de ter um filho. Eles esperaram por muitos anos até que um dia a tainha ficou grávida e deu à luz a uma menina. A felicidade dos pais era tamanha que, eles convidaram sete fadas para conceder um dom a sua filha.

Na festa de batizado estava tudo muito bem, até que chegou uma oitava fada, velha e feia. Sentindo-se insultada por não ter sido convidada, ela também resolveu que iria conceder algo a menina. Porém, logo após as fadas concederem 7 lindos dons para a princesa, a fada velha e feia lançou uma maldição. Ela disse que quando a princesa completasse 15 na os de idade, iria furar o dedo em uma roca e isso a levaria a dormir para sempre, podendo ser acordada apenas por um beijo de amor.

Desesperado, o pai mandou os seus empregados destruírem todos os fusos e rocas que se encontravam no reino e conforme o tempo foi passando, a menina crescia alegre e feliz e a maldição ia sendo esquecida.

Mas, quando a princesa completara quinze anos de idade, ela foi atraída misteriosamente para a floresta e lá encontrou uma velha casa. No interior dessa casa, ela ficou curiosa para saber o que era aquele objeto pontiagudo e acabou furando o dedo, conforme na maldição.

A princesa logo adormeceu e todo o reino ficou sabendo do que havia acontecido com ela.

A maldição da bruxa velha e feia havia se cumprido. O reino foi só tristeza por muitos anos até a chegada de um jovem príncipe vindo de um reino muito distante que, ao saber da história da princesa que dormia, resolveu deixar o seu reino e viajar até encontrar esse lugar e conferir pessoalmente a história.

Ao chegar no castelo e ver a princesa dormindo, o príncipe se sentiu apaixonado instantaneamente. Apesar de anos dormindo, o tempo não havia passado para a princesa, que ainda permanecia jovem e linda.

Ela era a moça mais linda que ele já havia encontrado na vida. Ele sentiu uma paixão tão grande que acabou beijando a princesa.

Dentro de alguns instantes, a princesa acordou e logo a notícia do beijo de amor que acordou princesa, foi espalhada por todo o reino.

A família da princesa ficou tão feliz que convidou todos os moradores do reino para irem até o castelo. Foram feitos então todos os preparativos do casamento e uma grande festa foi celebrada por todos. Assim, o príncipe e a princesa viveram juntinhos e felizes para sempre.

Nunca mais foi esquecida a história da princesa adormecida.

Deixe uma resposta