Um Feitiço De Amor Egípcio De 1.300 Anos Foi Descoberto e Realmente Funciona!

Um Feitiço De Amor Egípcio De 1.300 Anos Foi Descoberto e Realmente Funciona!

Um antigo feitiço egípcio foi encontrado e está sendo considerado a receita do amor verdadeiro. Será que funciona?

O feitiço de 1.300 anos parece ter a receita definitiva para encontrar o amor verdadeiro. O pergaminho parece conter palavras que compõem um feitiço para atrair o amor, de acordo com especialistas que decodificaram suas 20 páginas de conteúdo.

O documento, além da escrita,também contém o desenho de duas criaturas que se assemelham a pássaros olhando de perto um para o outro. Eles também estão cercados por alguns escritos que identificam personagens e eventos bíblicos.

Os cientistas decodificaram seu conteúdo, que apesar de usar caracteres gregos, foi escrito na língua copta, que é relacionada ao antigo Egito e teve seu auge entre o terceiro e o sexto séculos. 

Hoje é uma língua morta usada apenas para as cerimônias da Igreja copta.

O responsável pelo estudo do papiro foi o Dr. Korhi Dosoo, da Universidade de Estrasburgo, que descobriu que o que estava escrito não passava de uma receita de amor, um feitiço para unir duas pessoas

Doso o assegura que esses papiros”mantêm afinidades com um grande número de textos semelhantes. A semelhança das imagens, assim como os textos que as acompanham, nos faz entender essa mensagem como representação de um ritual destinado a unir dois amantes“.

Segundo Doso o, os números desenhados no papiro seriam a representação de um homem e uma mulher unidos por alguma figura fálica, embora também não houvesse referência sexual, de modo que o significado exato do desenho ainda está sendo debatido.

O texto contém referências a Jesus, Adão e Eva, bem como uma deidade copta anteriormente desconhecida, chamada Baktiotha. 

Segundo os tradutores, é uma espécie de”receita” para resolver um triângulo amoroso e outras situações românticas complicadas. Parece ter sido escrito por um acadêmico e se destina a ajudar os crentes a atingirem determinados objetivos em suas vidas.

No início pensava-se que as intenções do texto poderiam ser demoníaca sou alguma forma de expressão de magia negra, mas como outros textos do mesmo período, em torno do sétimo e oitavos séculos A.C indicam que, é um feitiço para o bom futuro.

Deixe uma resposta