5 Hábitos Maravilhosos Que Podem Melhorar Completamente Sua Vida

5 Hábitos Maravilhosos Que Podem Melhorar Completamente Sua Vida

Atualmente vivemos em um mundo onde não é incomum se sentir estressado, sobrecarregado, exausto, ocupado e até completamente sozinho.

Na verdade, os humanos estão mais conectados hoje do que em épocas anteriores e, no entanto, nos sentimos mais sozinhos do que nunca.

5 Hábitos que podem melhorar sua vida

1. Seja curioso quando você conversar com os outros

Como seres humanos, é nosso desejo fundamental ser visto, ouvido e compreendido.

É o modo como nos conectamos com os outros e nos sentimos felizes. Você pode conseguir isso sendo curioso quando tiver uma conversa.

O primeiro passo é estar presente. Pare de fazer várias coisas ao mesmo tempo e preste atenção no que está fazendo.

Faça perguntas abertas para aprofundar sua compreensão das conversas.

Não há necessidade de concordar com o que você tem a dizer, se trata apenas de entender o ponto de vista dos outros que o ajudarão a entendê-los como pessoas.

Esse hábito pode minimizar a oportunidade de fazer suposições erradas.

Suposições são obstáculos que inibem nossa capacidade de entender o que realmente está acontecendo.

Esses mal-entendidos levam a confusão, erros, perda de tempo e conflitos.

2. Pratique a autorreflexão

A autorreflexão nos permite aprender. Isso nos ajuda a entender melhor quem somos e a aprender com nossos comportamentos o que fazemos e por que fazemos.

Um forte senso de quem somos constrói confiança. A auto-reflexão cria uma consciência de nossos gatilhos emocionais que sabotam nosso comportamento.

Isso é essencial se você quiser construir relacionamentos fortes e melhorar sua vida.

3. Ouça para aprender, não julgar

Todos podemos nos beneficiar de falar menos e ouvir mais. A escuta ativa é uma das habilidades mais básicas que podem melhorar sua vida.

Como ouvimos os outros influencia nossas conversas, decisões, ações, nossa mentalidade e até mesmo nossos relacionamentos.

Muitas pessoas acreditam que são ouvintes incríveis, mas a maioria não é.

Em média, as pessoas gastam 60% das conversas falando de si mesmas em vez de ouvir outras.

Nós tendemos a processar as informações que ouvimos através de nossos próprios pensamentos, nossa visão de coisas e experiências; assim, julgamos os outros ou resolvemos “problemas” que podem ou não existir.

Mas quando ouvimos com foco no aprendizado, isso tira nossa atenção de nós mesmos e nos concentramos nos outros.

Este é o caminho para construir esses relacionamentos que queremos.

Para fazer isso, comece suspendendo seus julgamentos. Seja aberto e curioso para aprender e entender o orador e o que ele está dizendo.

Isso não significa que você tenha que se agradar com o que ouve ou mesmo concordar com isso.

No entanto, permitirá que você entenda o que está acontecendo com eles, já que isso cria o espaço para conseguir uma conexão verdadeira.

4. Tenha empatia

A empatia nos permite entender os sentimentos dos outros, entender e focar nas necessidades dos outros e não nos nossos.

Em um mundo “centrado em nós”, todos nós podemos usar e praticar um pouco mais de empatia. Mas não podemos acessar isso sem curiosidade.

Quando estamos genuinamente interessados ​​um no outro, podemos sentir empatia e nos identificar melhor com o que está acontecendo.

Isso também é importante quando relacionamentos sólidos são estabelecidos.

A empatia nos ajuda a tratar as pessoas com quem nos importamos como elas querem ser tratadas.

Também ajuda durante situações emocionais, para que você possa ver além de seus próprios pensamentos e experiências.

Praticar a empatia nos permite ser melhores líderes, parceiros, pais e seres humanos.

Isso, por sua vez, pode melhorar sua vida de mais de uma maneira.

5. Colabore com os outros

Se você está tentando fazer tudo sozinho, então você sabe que é difícil. O isolamento nem sempre é bom.

No entanto, pedir ajuda também pode ser um desafio. A colaboração pode mudar isso.

A colaboração permite que você se conecte com os outros, aprenda com eles e aproveite todas as perspectivas apresentadas.

Trazer diferentes pensamentos, experiências e pontos de vista é muito mais rico do que apenas uma.

Se colocar no topo da sua lista de tarefas pode ser difícil para muitas pessoas.

Mas esta é a questão: o relacionamento mais importante que você terá em sua vida é com você mesmo.

Deixe uma resposta