▷ 5 Orações Xoroquê (As Mais Poderosas)

▷ 5 Orações Xoroquê (As Mais Poderosas)

Confira as 5 mais poderosas orações dedicadas a Ogum Xoroquê.

Oração xoroquê 1

Com dois te vejo, com cinco te ato, teu sangue bebo e o coração arrebato. Não dispenso seus sorrisos e a sua boca eu tapo, seu coração eu ato, e te ato, e reato. Nem comer e nem beber tu poderás, nem amar e nem desamar, nem em campos verdes estar, nem em campos secos folgar, nem com casada e nem com viúva, nem com nenhuma solteira amada, algum afeto sentirá. Que diante de meus olhos, venhas conjurado, atado e para sempre a me querer e me amar.

Que venhas (nome), louco de amor por mim e que a partir de então, debaixo de meus dois pés estará preso e amarrado, e para sempre comigo ficará e me amará. A mim preso tu está. Eu chamo Xorokê, Ogum Xorokê, para te trazer para mim, onde quer que você esteja, ele te encontrará, eu não preciso temer nada, pois quem traz o que eu desejo é Xorokê, ele te traz arrastado e te ata junto a mim, porque é assim que eu pedi a Xorokê.

Eu chamo, chamo e ele vem, vem trazer quem eu quero bem. Que venhas então tu (nome) e que sinta por mim o mais terno e o mais profundo amor, que não consiga jamais sair do meu lado, pois está atado e rasteja aos meus pés.

Assim será, pois meu orixá não erra.

Oração xoroquê 2

Eu chamo xorokê, Aluê, Aluê. E aquilo que eu mais quero, quem me dará é Xorokê. Eu chamo xorokê, Aluê, Aluê. Entreguei o teu nome no otá, e agora eu quero é ver Eu chamo xorokê, Aluê, Aluê. (falar o nome da pessoa amada) se você sair correndo quem vai te pegar e te trazer de volta, para junto de mim, é Xorokê. Eu chamo xorokê, Aluê, Aluê. Kalunga á, Kalunga ê, é agora que eu quero ver. Eu te chamo por sete vezes, o teu nome é Xorokê, é agora que eu quero ver. Se tu vais, quem te traz de volta é Xoroquê. Kalunga á, Kalunga ê, é agora que eu quero ver.

Não podes fugir, não podes correr, pois quem te pega é Xorokê. Kalunga á, Kalunga ê, é agora que eu quero ver. Estás atado a mim com sete amarras, sete nós, nada poderá fazer, pois que te traz pra mim é Xorokê. Kalunga á, Kalunga ê, é agora que eu quero ver. Eu rezo ao meu Santo Orgum Xorokê, que te amarra, te ata e te prende embaixo dos meus dois pés. Aluê, Aluê.

Vem a mim Xorokê, traz pra mim Xorokê esse (nome de quem você quer trazer).

Oração xoroquê 3

Kabala a, kabala ê, agora é que eu quero ver, pois a gretas abertas estão, a esperar por você, a luz vermelha já se acendeu, e eu firmo em você (falar o nome) eu chamo a Xorokê. Aquilo que eu mais desejo, quem me dá é Xerokê, eu entreguei o seu nome no otá e eu quero ver, pode correr, pode fugir, pois quem te traz pra mim é Xorokê.

Rezo, uma, duas, três, cinco vezes e te prendo a mim com as forças de Ogum Xorokê para que onde quer que esteja, venha  mim e não mais possa ir embora, pois atado está aos meus pés, e embora não podes ir, um porque me ama, dois porque não terás forças para ir embora, três porque morre de paixão.

Assim será, Xerokê elaiá.

Oração xoroquê 4

Eu rezo a Xerokê que tudo traz, tudo busca, tudo realiza. Rezo para trazer de volta um amor que foi embora. Ogum Xerokê, busca pra mim esta pessoa (nome) e traga-a novamente para minha vida, com o peito cheio de paixão, a mente desesperada por mim, o coração acelerado de amor e o desejo louco de estar comigo.

Que não possa nem comer, nem dormir, nem sossegar, enquanto do meu lado não estiver. Que pense em mim 24 horas por dia e ao voltar, não possa mais sair, pois não sabe mais viver sem a minha presença. Ogum Xerokê, faz com que ele venha a mim e não consiga mais sair, atado embaixo de meus dois pés, louco de amor, apaixonado, cheio de desejo.

Assim é, pois eu decreto, com as forças de Xerokê que tudo pode trazer, mesmo que corras, que fujas, não poderá escapar de Xerokê, alauá, alauê.

Oração xoroquê 5

A luz vermelha se acendeu é Ogum Xerokê, eu chamo Aluê, Aluê, é agora que eu quero ver. Chamo Oxum Xorokê para os meus pedidos de amor atender, ele sabe, ele tudo pode, ele vai lhe trazer. (dizer o nome do amado) não podes fugir, nem poderás correr, pois meu Orixá tudo alcança, tudo sabe, ele vai te trazer. Com um te alcança, com três te pega, com cinco te ata e te traz para mim. E não mais descanso terá, nem poderá ir embora, mesmo que corra não escapará, mesmo que fuja, não encontrará caminho.

Somente a mim chegará e embaixo dos meus dois pés ficará preso. E se rastejará por mim, me amará loucamente. Não poderá nem beber, nem dormir, nem comer, nem descansar longe da minha presença. Terá todos os seus pensamentos tomados com a minha imagem. Se dormir, sonhará comigo. Se tentar fugir, será pego novamente, pois Xerokê é quem me auxilia a te trazer.

A luz vermelha se acendeu é Ogum Xerokê, eu chamo Aluê, Aluê, é agora que eu quero ver.  Agora que eu quero ver você vindo até a mim, arrastado de quatro, louco de amor, apaixonado, dizendo que me ama, chamando pelo meu nome. A luz vermelha se acendeu é Ogum Xerokê, eu chamo Aluê, Aluê, é agora que eu quero ver. 

Quero ver quando tentar fugir, e os pés não vai sentir, e se quiser correr, as pernas não vão deixar, pois dominado está, dominado ficará preso aos meus pés, rastejando por mim. Pela luz vermelha que acesa está. Aluê, Aluê, chamo ogum Xerokê, atendei-me.

Deixe uma resposta