Pesquisadores Revelam 5 Hábitos De Pessoas Que Sofrem Com Depressão

Pesquisadores Revelam 5 Hábitos De Pessoas Que Sofrem Com Depressão

1. Não fazem atividades físicas

Você já ouviu falar sobre pessoas que têm problemas cardíacos, diabetes e outras condições de saúde em idades mais jovens, e é provável que nossa vida moderna seja a culpada. 

Anos atrás, antes de termos todo esse maquinário e instalações, nós realmente tínhamos que trabalhar para conseguir comida, água e abrigo. 

Vivíamos mais perto da natureza, o que, por padrão, nos obrigou a nos mover para adquirir o que precisávamos. Agora, vivemos em grandes cidades onde não precisamos fazer nada além de entrar no carro e ir até uma mercearia comprar comida, e trabalhar longas horas sentados.

Tem sido demonstrado que a falta de movimento, além de causar má saúde física, também aumenta a ansiedade e a depressão. 

O exercício libera endorfinas que ajudam a melhorar o humor, que pode combater os problemas de saúde mental mais frequentemente do que vemos hoje: ansiedade e depressão.

2. Comprar muitas coisas que não precisam

Os seres humanos são facilmente influenciados pelos hábitos das pessoas à nossa volta e, infelizmente, muitas pessoas compram coisas de que realmente não precisam, seja por hábito ou para tentar preencher um vazio em suas vidas. 

No entanto, estudos mostraram repetidamente que mais “coisas” não podem comprar felicidade. De fato, acumular muitas coisas de que não precisamos pode causar ansiedade e estresse. 

Pesquisas mostram que comprar experiências, não coisas, pode aumentar a felicidade, porque as pessoas se conectam mais com as coisas que fazem do que com as que podem usar.

3. Não dar prioridade ao sono

Falta de sono e ansiedade / depressão têm um relacionamento direto entre si. 

Nós absolutamente precisamos de um sono de qualidade para funcionar bem, mas a vida moderna não enfatiza muito o sono. 

Tecnologia, estresse, falta de exercícios, dieta pobre e muitos outros fatores podem contribuir para o sono inadequado, o que pode exacerbar os problemas de saúde mental. 

Sem mencionar que toda a cafeína que bebemos ao longo do dia para nos manter alerta também pode nos levar a dormir mal à noite.

4. Excesso de uso de celular e tecnologia em geral

Não é de surpreender que, quando a tecnologia móvel começou a aumentar, também vimos um aumento nos problemas de saúde mental. 

Um estudo descobriu que as pessoas que passam longos períodos de tempo nas redes sociais são mais propensas a desenvolver depressão.

Antes dos smartphones, as pessoas falavam cara a cara com mais frequência e conversavam mais profundamente, porque não tinham muitas distrações na frente delas. 

Agora, temos mais distrações do que nunca e estamos menos presentes e atentos no mundo real. Por causa do nosso mundo constantemente conectado, estamos menos conectados a nós mesmos e às pessoas ao nosso redor. 

Essa desconexão entre nós e a realidade levou a uma epidemia de ansiedade e depressão, infelizmente.

5. Eles não passam tempo suficiente ao ar livre

Nós absolutamente precisamos da natureza para sobreviver, mas mesmo assim, parece que nós construímos um mundo que nos protege disso. 

Isso não faz muito sentido, certo? A falta de luz solar significa menos vitamina D em seu corpo, um nutriente essencial que ajuda a regular seu humor e sistema imunológico, entre outras coisas. 

Além disso, estudos mostraram que as pessoas que andam pelos parques em vez de pelas ruas da cidade são mais calmas e menos frustradas.

Deixe uma resposta