Segundo filho é mais problemático que o primeiro, diz estudo

Segundo filho é mais problemático que o primeiro, diz estudo

Se você é o segundo filho e as vezes sente que você é a verdadeira ovelha negra da família, saiba que existe até estudo científico para explicar esse fato. E tem mais, se você for acusado de problemático, agora terá uma boa justificativa para se defender desses ataques.

O segundo filho é a ovelha negra da família?

De acordo com um estudo do Instituto de Tecnologia de Massachusetts, a ordem de nascimento dos filhos pode influenciar e muito no desenvolvimento de cada criança.

A maldição de ser o segundo filho, pode começar já na idade escolar e se estender até a vida adulta. De acordo com a pesquisa, o fato pode duplicar as chances da pessoa cometer tipos de atos delinquentes em seu futuro. Mas, tenha calma, não há motivos para tanto alarde!

Para chegar a essa conclusão, o trabalho científico coletou dados de grupos de irmãos do EUA e também da Dinamarca. A pesquisa descobriu que os segundos filhos apresentaram sente 25 e 40% de mais chances de se envolverem em sérios problemas na escola e também com a lei, quando eles foram comparados aos seus primogênitos.

O fenômeno pode ser ainda mais comum, nos casos em que o segundo filho é menino.

Mas, por que o segundo filho pode ser mais problemático?

Os pesquisadores afirmam que a educação fornecida pelos pais é a principal razão de o segundo filho apresentar um comportamento mais problemático. E a ideia faz todo o sentido, se pensarmos que os primeiros filhos sempre recebem mais atenção e cuidado, enquanto o segundo é menos vigiado.

Além disso, os primeiros filhos costumam se inspirar mais nos adultos da família, enquanto o segundo vai ter referências menos racionais, como o próprio irmão.

Vale ressaltar, porém, que não existem regras absolutas quando o assunto é a composição familiar, já que cada grupo familiar pode possuir a sua própria dinâmica.

Deixe uma resposta